Notícias

Investigação descobre primeiro caso de “gato” no futebol chinês

Zhang Xiuwei é jogador do Tianjin Quanjian, equipe treinada pelo ex-campeão do mundo Fábio Cannavaro, e que nos últimos tempos tem alimentado alguma polêmica na China. Considerado um craque, que brilhou na última temporada e teria lugar garantido na seleção chinesa, Xiuwei viu-se no meio de uma controvérsia que está a ser analisada pela Federação de Futebol Chinesa e que surgiu depois de um acidente de automóvel, que envolveu vários veículos e no qual o jogador foi flagrado com taxa elevada de álcool no sangue.

Na sequência da investigação ao acidente, descobriu-se que, afinal, Xiuwei tem o passado manchado por uma segunda identidade. O documento de identidade do jogador diz que ele nasceu a 13 de janeiro de 1996. O problema é que as autoridades descobriram que, quando criança, e para que pudesse entrar na escola antes da idade exigida e legal, os pais alteraram a sua identidade: mudaram o nome para Zhang Jixuan e a data de nascimento para 13 de janeiro de 1994.

Mais tarde, na adolescência percebendo que o filho teria futuro no futebol, os pais resolveram ajustar o documento, devolvendo o nome e a idade originais e verdadeiros. A questão é que, nos registos da federação de futebol, enquanto infantil, aparece ainda Zhang Jixuan, nascido em 1994.

Comentários
Topo